Há 267 pessoas internadas com covid-19, 53 das quais em unidades de cuidados intensivos, onde está mais uma pessoa desde quinta-feira, segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

O número de casos ativos aumentou em 130 para um total de 23.473 e as autoridades de saúde têm mais 232 contactos em vigilância, num total de 25.161 pessoas.

A DGS deu como recuperadas 300 pessoas nas últimas 24 horas, registando-se 810.959 casos recuperados desde o início da pandemia.

No total, 851.46 pessoas em Portugal foram infetadas pelo SARS-CoV-2 e 17.029 morreram com covid-19.

A região de Lisboa e Vale do Tejo registou mais de metade dos novos casos confirmados (217) nas últimas 24 horas, totalizando 322.431 casos e 7.214 mortes no total.

Na região Norte contam-se mais 132 casos, totalizando 341.109 infeções e 5.356 mortes com covid-19.

No Centro há mais 20 casos de contágio com o SARS-CoV-2, 120.029 no total e 3.023 mortes.

No Alentejo foram assinalados mais 16 casos, totalizando 30.252 infeções e 971 mortos desde o início da pandemia.

Na região do Algarve o boletim de hoje revela que foram registados 11 novos casos, acumulando-se 22.377 infeções e 363 mortos.

A região Autónoma da Madeira contabilizou oito novos casos, somando 9.743 infeções e 69 mortes devido à covid-19 desde março de 2020.

Os Açores têm hoje 26 novos casos e contabilizam 5.520 casos e 33 mortos desde o início da pandemia, segundo a DGS.

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação divulgada no boletim da DGS.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 464.053 mulheres e 387.028 mulheres, mostram os dados da DGS, segundo os quais há 380 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que esta informação não é fornecida de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 8.944 eram homens e 8.085 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nos idosos com mais de 80 anos, seguidos da faixa etária entre os 70 e os 79 anos.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.704.003 mortos no mundo, resultantes de mais de 172 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.