Esta intervenção, promovida pela Câmara Municipal de Alcácer do Sal, tem um custo estimado de 219.403,39 euros.

O pavimento rodoviário, constituído por tapete asfáltico e bermas em terra, apresenta inúmeros buracos e depressões, originados pela presença de espécies arbóreas junto à via, e pela sua antiguidade e constante utilização, tendo a deterioração aumentado particularmente este inverno em consequência dos elevados níveis de pluviosidade registados, pelo que a EM 1119 não oferece carece do reforço de condições de segurança.   

Face ao estado de conservação do pavimento, optou-se por três tipos de intervenções, nomeadamente: corte de raízes nas bermas; saneamento até solo de fundação, com aplicação de novas camadas de sub-base e base, aplicação de impregnação de emulsão betuminosa; aplicação de camada de desgaste com 0,50m de espessura. 

De momento encontram-se executados os trabalhos de corte de raízes, sendo que em seguida serão iniciados os trabalhos de saneamento do pavimento deteriorado.