Gustavo Canhoto, diretor da ACC Sines refere que foi “um enorme orgulho para o nosso clube, pela conquista de mais uma Taça de Portugal. Esta vitória é sem dúvida do atirador, do nosso clube e é uma vitória para Sines e para todos os Sineenses.  Uma vez mais os nossos atiradores elevam o nome de Sines a nível nacional, trazendo conquistas e fazendo história”.

O responsável acrescentou que “a qualidade dos nossos atiradores é tremenda. Nesta prova disputada em Pegões, foi disputada por mais de 125 atletas. Sines fez-se representar com 9 atletas em competição e no pódio da geral, Sines colocou dois atletas.

José Campos com o 1º lugar e Gustavo Canhoto em 3º lugar da geral (com os mesmos pratos do 2º classificado), fazendo 73/75 possíveis”.

“Fica aqui provado mais uma vez, que o nosso clube precisa urgentemente de um campo tiro, para dar seguimento a todas estas conquistas. De realçar que neste ano de 2021, a ACC de Sines já foi Campeã Regional Sul, já ganhou por equipas uma contagem do Regional e já obteve uma Taça de Portugal” destaca o responsável.

No sábado, seis atiradores sinienses, disputaram a final da Taça de Portugal TRAP, três deles chegaram à final.

Entre os 120 atiradores presentes, José Duarte obteve o 4º lugar da geral e o 3º lugar em seniores, fazendo um total de 54 em 55 possíveis.

José Campos e Gustavo Canhoto dividiram a 7ª posição da geral, fazendo 39 em 40 possíveis.