A obra, que representa um investimento de quase 600 mil euros, tem um prazo de execução de 270 dias, irá “nascer” nas instalações da antiga lavandaria do HLA.

Segundo fonte da ULSLA, “esta obra vai permitir que os serviços farmacêuticos passem a ter uma área de 404 m2, permitindo assim adequar os armazéns farmacêuticos às necessidades atuais”.

A obra permite também, “criar um armazém para grandes volumes, assegurar o circuito de doentes à Farmácia de Ambulatório pelo exterior do HLA e enquadrar as alterações nas recomendações do Infarmed”.

Fonte da ULSLA acrescentou que “o Hospital do Litoral Alentejano, desde a sua abertura evoluiu muito no que diz respeito às necessidades estruturais, bem como funcionais, pelo que houve a necessidade de adequar os seus serviços farmacêuticos a estas necessidades”.


Comente esta notícia


SINES